A ceia do Senhor


“E, quando comiam, Jesus tomou o pão, e abençoando-o, o partiu, e o deu aos discípulos, e disse: Tomai, comei, isto é o meu corpo. E, tomando o cálice, e dando graças, deu-lho, dizendo: Bebei dele todos; Porque isto é o meu sangue, o sangue do novo testamento, que é derramado por muitos, para remissão dos pecados. E digo-vos que, desde agora, não beberei deste fruto da vide, até aquele dia em que o beba novo convosco no reino de meu Pai.”
(Mateus 26: 26-29)

Alguns consideram isso do ponto de vista físico, ou seja, afirmando que quando o pão e o cálice são abençoados, toda a substância do pão se converte no corpo do Senhor e toda a substância do fruto da videira é mudado em sangue do Senhor. É a transubstanciação.

Outros crêem do ponto de vista racional, argumentando que o pão e o vinho apenas representam o corpo e o sangue do Senhor.

Mas, Jesus não fala de transubstanciação e nem de representação, mas de realidade espiritual. Por trás daquilo que é bebido e comido está a realidade espiritual. Jesus disse: “Isto é o meu corpo” e não “Isto representa meu corpo”. E depois de dizer “Isto é o Meu sangue, o sangue da nova aliança”, o Senhor continuou dizendo: “Não beberei deste fruto da videira”, indicando claramente que o vinho não foi transubstanciado nem representa o sangue. Quando o Senhor fala do pão e do cálice, sua ênfase está na realidade.

“Porventura o cálice de bênção, que abençoamos, não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos não é porventura a comunhão do corpo de Cristo? Porque nós, sendo muitos, somos um só pão e um só corpo, porque todos participamos do mesmo pão.”
(I Cor 10: 16-17)

É o pão, mas Paulo o reconhece como o Corpo de Cristo. É o cálice, ele o aceita como o sangue de Cristo. Paulo fala aqui de realidade espiritual e nada mais. Ele declara: “Nós, embora muitos, somos unicamente um pão, um só corpo”. Como ele poderia dizer isso se não tivesse tocado a realidade espiritual.

A realidade espiritual que ele tocou é tão real que ele pode unir o “embora muitos” com o “somos um pão, um corpo”. Quando toma o pão, ele está verdadeiramente em comunhão com o corpo de Cristo, pois esqueceu o pão e agora está em contato com a realidade espiritual. Quando toma o cálice, ele está realmente em comunhão com o sangue de Cristo, pois esqueceu o fruto da videira e tocou a realidade espiritual. Tendo tocado a realidade espiritual, para ele palavra ou doutrina não representam problema.

Extraído do livro “Em que você baseia sua vida cristã: Realidade ou obsessão?” Watchman Nee

NOTA DO SITE

 “Porque, assim como o corpo é um, e tem muitos membros, e todos os membros, sendo muitos, são um só corpo, assim é Cristo também. Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito. Porque também o corpo não é um só membro, mas muitos.”
(I Cor. 12:12-14)

“E sujeitou todas as coisas a seus pés, e sobre todas as coisas o constituiu como cabeça da igreja, Que é o seu corpo, a plenitude daquele que cumpre tudo em todos.”
(Efésios 1: 22-23)

O corpo de Cristo (Igreja) não é algo separado Dele, pois sendo ele o Cabeça do corpo (Igreja), então a Igreja e Cristo formam um só corpo. Quando Saulo assolava a Igreja, Jesus perguntou a ele : “Saulo, porque me persegues” (Atos 9:4). Aqui está o fundamento da realidade espiritual da ceia.

Tal como no batismo, onde a água em si não tem poder algum, mas sim a esplendorosa realidade espiritual do batismo, assim ocorre com a ceia em relação ao vinho e o pão. Que o Senhor abra nossos olhos para entendermos essas realidades. Esta revelação conduzia os irmãos do primeiro século a uma prática da ceia com muita simplicidade (veja Atos 20:7 ; 2:41,46 ; 27:35).

Por isso a Bíblia alerta:

“Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma deste pão e beba deste cálice. Porque o que come e bebe indignamente, come e bebe para sua própria condenação, não discernindo o corpo do SENHOR.”
I Cor. 11: 28-29

Fonte: Rei Eterno

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s